Ir para o conteúdo principal

Com a participação de 55 cooperativas, a Uniodonto do Brasil realizou no dia 11 de março a Assembleia Geral Ordinária em sua sede, em São Paulo.

A Diretoria da Uniodonto do Brasil contou com o apoio das consultorias jurídicas contábil para apresentar um detalhado panorama das atividades desenvolvidas no ano de 2021, especialmente as ações administrativas, de vendas e sobretudo,  uma aprofundada análise econômica e financeira da cooperativa.

Durante, aproximadamente três horas e meia, lideranças do sistema uniodonto reuniram-se em um ambiente cordial para uma atuação de grande responsabilidade, examinando o relatório de diretoria apresentado pelos diretores da Uniodonto do Brasil.

A Assembleia também elegeu os membros efetivos e suplentes do Conselho Fiscal da Uniodonto do Brasil para o mandato até a AGO de 2023.

Os novos membros do Conselho Fiscal da Uniodonto do Brasil:

EFETIVOS:

1º Efetivo: Stenio da Silva Figueiredo – Uniodonto Nova Iguaçu
2º Efetivo: Paula Sales Rodrigues – Uniodonto Avaré
3º Efetivo: Tertuliano Brito Neto – Uniodonto João Pessoa

 SUPLENTES:

1º Suplente: Ediana de Fatima Melo Magela – Uniodonto Rio Branco – Acre
2º Suplente: Marcelo Faneco Fontana – Uniodonto Londrina
3º Suplente: Carlos Beduschi – Uniodonto Curitiba

CTO delibera por aplicação do repasse integral do IPCA à tabela de intercâmbio

A valorização da classe odontológica que pauta toda  história da Uniodonto,  ganhou mais um importante capítulo na reunião do Conselho Técnico Operacional, realizada  no dia 9 de março, na sede da Uniodonto do Brasil.

O CTO deliberou pela correção da tabela de intercâmbio  pelo IPCA integral. A partir de 1º de julho, o indicador de 10,56% será aplicado à  tabela de intercâmbio com a determinação de repasse integral ao cirurgião dentista cooperado, que é a base das operações do Sistema Uniodonto.

A correção da tabela fortalece dois diferenciais do sistema Uniodonto perante o mercado de planos odontológicos: a ampla rede de cirurgiões-dentistas e o intercâmbio.